Você está aqui: Página Inicial Serviços Sala de Imprensa Notícias 2008 08 Pesquisa revela que eleitor quer favores de políticos

Pesquisa revela que eleitor quer favores de políticos

última modificação 13/08/2008 19:19

Pesquisa nacional, encomendada pela Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), foi realizada pelo Instituto Vox Populi, entre os dias 27 de junho e 06 de julho de 2008, nas cinco regiões do Brasil. Foram feitas 1502 entrevistas por telefone, para realizar a pesquisa de opinião pública nacional, que abordou voto, eleições e corrupção eleitoral.

A pesquisa da AMB revelou que os eleitores confundem as obrigações dos vereadores e prefeitos com benfeitorias ou favores. Para 82% dos entrevistados, os vereadores devem pagar despesas de hospital e de enterro para pessoas necessitadas. 84% acreditam que os prefeitos devem fazer o mesmo. Ajudar eleitores a conseguir emprego, por exemplo, é tarefa dos vereadores, segundo 72% dos entrevistados.

O resultado mostrou, ainda, que 82% dos eleitores acreditam que os políticos não cumprem as promessas feitas durante a campanha e que 85% pensam que os principais beneficiados com a política são os próprios políticos e não o povo. Contraditoriamente 73% dos entrevistados alegaram votar nos candidatos que apresentam as melhores propostas. A pesquisa revelou, ainda, o viés personalista da politica nacional. Nada menos que 76% dos entrevistados afirmaram preferir a pessoa do candidato do que o partido na hora de votar.

Quando a questão foi sobre a confiança no sistema eleitoral, apenas 30% dos entrevistados disseram acreditar no resultado das urnas. Mesmo com tanto descrédito, a pesquisa da AMB afirma a importância do voto, pois 68% dos eleitores acreditam que o voto tem poder de mudar sua vida.

Em todas as questões que colocam em jogo a índole dos políticos e sua participação na sociedade, a maioria dos entrevistados respondeu de forma negativa e pessimista. Porém, quando a pergunta foi a respeito da participação do próprio eleitor na sociedade, a pesquisa provou que existe recíproca. 73% dos entrevistados assumiram não participar de grupos sociais ou políticos e 92% não participam de nenhum sindicato.

Clique aqui para conferir a pesquisa completa.

Assessoria de Comunicação Social
Ministério Público Federal em Mato Grosso do Sul
(67) 3312-7265 / 9297-1903
(67) 3312-7283 / 9142-3976
www.prms.mpf.gov.br
ascom@prms.mpf.gov.br
www.twitter.com/mpf_ms

Ações do documento