Você está aqui: Página Inicial Serviços Sala de Imprensa Notícias 2009 05 MPs e anestesistas discutem retomada de atendimentos no hospital São Julião

MPs e anestesistas discutem retomada de atendimentos no hospital São Julião

última modificação 11/05/2009 16:38

Na manhã desta segunda-feira (11), representantes dos médicos anestesistas de Campo Grande participaram de reunião no Ministério Público Federal (MPF). Na audiência, o procurador regional dos Direitos do Cidadão Felipe Fritz Braga, acompanhado de membros do Ministério Público Estadual e Ministério Público do Trabalho discutiram a retomada dos atendimentos das cirurgias eletivas no hospital, suspensas desde 1º março.

No encontro, foi exposto que há consenso entre o Ministérios Públicos de que a remuneração dos médicos pelo Sistema Único de Saúde tem de ser atualizada, mas que a paralisação dos atendimentos não é uma solução admissível.

"Frisamos que os médicos não podem se utilizar da paralisação de suas atividades como estratégia de negociação, pois, ainda que prestado por instituições privadas, trata-se de serviço público essencial, que não pode ser interrompido", enfatiza o procurador da República Felipe Braga.

O Ministério Público propôs atuar conjuntamente nos esforços para valorização do profissional médico junto às esferas públicas pertinentes, desde que os anestesiologistas retomem o atendimento das cirurgias eletivas.

A Servan, empresa que congrega todos os médicos anestesistas de Campo Grande, tem até quarta-feira, dia 13, para comunicar se retomará os atendimentos. Não aceitando a proposta feita pelo Ministério Público, serão tomadas as providências judiciais cabíveis.

Assessoria de Comunicação Social
Ministério Público Federal em Mato Grosso do Sul
(67) 3312-7265 / 9297-1903
(67) 3312-7283 / 9142-3976
www.prms.mpf.gov.br
ascom@prms.mpf.gov.br
www.twitter.com/mpf_ms

Ações do documento