Você está aqui: Página Inicial Serviços Sala de Imprensa Notícias 2010 09 Audiência pública discute criação de Área de Proteção Ambiental inédita no pantanal

Audiência pública discute criação de Área de Proteção Ambiental inédita no pantanal

última modificação 17/09/2010 09:52

APA Baía Negra pode ser a primeira unidade de conservação de uso sustentável do pantanal, conciliando preservação ambiental e sobrevivência das populações tradicionais

Na próxima quarta-feira, 22, será realizada em Ladário uma audiência pública para discutir a criação de unidade de conservação na região da Estrada Codrasa. O evento acontece às 14h, no Lions Club de Ladário - Rua Rui Barbosa, s/n.

Na audiência pública será debatida a criação da Área de Proteção Ambiental da Baía Negra, com aproximadamente seis mil hectares de extensão. Se criada, a APA Baía Negra será a primeira unidade de conservação de uso sustentável do Pantanal, um esforço para conciliar preservação do meio ambiente e tutela das populações tradicionais pantaneiras.

Estrada Codrasa

A região da estrada da Codrasa, situada no Pantanal Sul-mato-grossense, possui mais de dez quilômetros às margens do Rio Paraguai. Incorporada ao patrimônio da União, através da Lei 8.029/90, a área constitui terra pública e é, atualmente, ocupada de maneira irregular por famílias de baixa renda, chácaras de lazer e pousadas turísticas.

A criação da Área de Proteção Ambiental é uma iniciativa que visa recuperar os danos ambientais causados pela ocupação irregular, restabelecendo o desenvolvimento sustentável e preservando a região que possui relevantes bens ambientais, inclusive de natureza arqueológica.

Audiência

A audiência pública contará com a participação da sociedade civil e de diversos órgãos públicos, tais como Superintendência do Patrimônio da União em Mato Grosso do Sul, Embrapa, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Prefeitura de Ladário, Polícia Federal e Ministério Público Federal em Mato Grosso do Sul.

A realização da consulta pública é exigência legal para criação de unidades de conservação. Ela é realizada com o objetivo de fornecer informações adequadas e acessíveis à população local e às demais partes interessadas.

Assessoria de Comunicação Social
Ministério Público Federal em Mato Grosso do Sul
(67) 3312-7265 / 9297-1903
(67) 3312-7283 / 9142-3976
www.prms.mpf.gov.br
ascom@prms.mpf.gov.br
www.twitter.com/mpf_ms

Ações do documento