Você está aqui: Página Inicial Serviços Sala de Imprensa Notícias 2013 05 MPF/MS: Reativação de posto da PRF em Corumbá aumenta segurança na fronteira Brasil-Bolívia

MPF/MS: Reativação de posto da PRF em Corumbá aumenta segurança na fronteira Brasil-Bolívia

última modificação 22/05/2013 14:58

Posto policial estava desativado há quase dois anos. Acordo proposto pelo MPF garantiu a reinauguração e também a lotação de 27 servidores na Delegacia de Anastácio

MPF/MS: Reativação de posto da PRF em Corumbá aumenta segurança na fronteira Brasil-Bolívia

Além de nova estrutura, fiscalização conta com mais policiais

O Ministério Público Federal (MPF) em Mato Grosso do Sul assegurou a reativação de posto policial, localizado na BR-262, próximo à ponte sobre o Rio Paraguai, em Corumbá. Depois de quase dois anos fechado, acordo judicial entre MPF, União e Polícia Rodoviária Federal (PRF) possibilitou a reinauguração do chamado "Posto da Ponte", no dia 8 de maio.

O ajuste entre as instituições resultou, ainda, na lotação de 27 servidores na Delegacia da PRF de Anastácio, que estava com o efetivo defasado, comprometendo a atuação policial na fronteira com a Bolívia.

Na região, não há estabelecimentos comerciais, postos de combustíveis nem sinal de celular em um longo trecho, o que resulta em enormes riscos para quem trafega no local. Ocorrências de contrabando, tráfico internacional de drogas, armas, munições e importação de mercadorias irregulares também são recorrentes, o que ressalta a importância da reativação do posto policial. 


Posto da Ponte (antes) Posto da Ponte (depois)

Antes e depois: Posto desativado há quase dois anos foi reinaugurado no dia 8 de maio

Efetivo defasado

 A Ação Civil Pública proposta pelo MPF em outubro de 2011 apurou que em apenas cinco anos, a 3ª Delegacia de Polícia Rodoviária Federal de Anastácio, cuja circunscrição abrange Corumbá, teve uma redução de quase 50% de seu efetivo. Em 2006, eram 57 policiais; em 2011, apenas 33 atendiam a demanda de toda a região. 

Com o cumprimento do acordo judicial, tanto a ação quanto o inquérito civil que investigava o cumprimento do acordo proposto pelo MPF serão arquivados. 

 

Referência processual na Justiça federal de Corumbá: 0001331-42.2011.403.6004
 
 
 
 
 
 
Assessoria de Comunicação Social 
Ministério Público Federal em Mato Grosso do Sul 
(67) 3312-7265 / 9297-1903 
(67) 3312-7283 / 9142-3976 
www.prms.mpf.gov.br 
ascom@prms.mpf.gov.br 
www.twitter.com/mpf_ms
Ações do documento