Você está aqui: Página Inicial Serviços Sala de Imprensa Notícias 2015 10 MPEduc: Fiscalização revela deficiências de escolas públicas de Maracaju

MPEduc: Fiscalização revela deficiências de escolas públicas de Maracaju

— registrado em: ,
última modificação 14/10/2015 10:54

Problemas como banheiro com dois vasos sanitários para 900 alunos, falta de refeitório e de local adequado para preparo das refeições

MPEduc: Fiscalização revela deficiências de escolas públicas de Maracaju

Em uma das escolas, dois vasos sanitários para atender 900 alunos. Foto: Luciano Lopes da Costa PR/MS

O Ministério Público Federal (MPF) e o Ministério Público de Mato Grosso do Sul (MP/MS) continuaram as ações do MPEduc, desta vez em Maracaju, distante 158 km de Campo Grande. Na quinta-feira (08), foi realizada uma audiência pública na Câmara Municipal, com cerca de 100 participantes, entre professores, diretores, pais de alunos e estudantes. Também foram realizadas vistorias em duas escolas do município.

Os principais problemas levantados na audiência foram relacionados à indisciplina dos alunos e ausência dos pais na realidade da escola. Na sexta-feira (09/10), o grupo formado pelo procurador da República Pedro Gabriel Siqueira Gonçalves, mais a assessoria do MPE realizou vistorias na Escola Municipal Julio Muller Polo e na Escola Estadual Manoel Ferreira de Lima.

audiencia

Audiência Pública debateu qualidade de ensino em Maracaju. Foto: Luciano Lopes da Costa PR/MS 

Na Escola Municipal Julio Muller Polo, localizada no distrito de Vista Alegre, foi constatado que a cozinha é extremamente pequena e não possui espaço e bancada adequados para manipulação dos alimentos. Há dois fogões, mas apenas um deles encontra-se em funcionamento, já que por falta de espaço o segundo não foi instalado. Além disso, o compressor do bebedouro de água é instalado dentro da cozinha, contribuindo para o acréscimo de temperatura no ambiente, e o botijão de gás encontra-se ao lado do fogão. Também não há local adequado para armazenamento dos alimentos.

Não há refeitório nem acesso à internet, mesmo com uma antena para captação de sinal via satélite instalada, mas sem funcionamento. A tampa da fossa séptica encontra-se semi-aberta, com ameaça de desmoronamento. Há necessidade de pintura da escola e substituição do forro do corredor, que apresenta sinais claros de infiltração, e o bebedouro é insuficiente para manter resfriada a água para a quantidade de alunos da escola.

Na visitação à Escola Estadual Manoel Ferreira de Lima, no centro da cidade, o grupo constatou que a cozinha também é muito pequena e não tem espaço e nem bancada para manipulação de alimentos. Há infiltração no teto da cozinha, de modo que em dias de chuva há goteira sobre o fogão. Há dois botijões de gás localizados dentro da cozinha ao lado dos fogões. Não há depósito de alimentos.

banheiro

Na Escola Estadual Manoel Ferreira de Lima, banheiros ficam ao lado da cozinha. Foto: Luciano Lopes da Costa PR/MS

Atualmente, encontram-se lotadas na escola cinco merendeiras, mas por licenças e outros afastamentos, apenas uma é responsável pela merenda de aproximadamente 900 alunos. A rede de fiação elétrica é muito antiga, o que prejudica a instalação de sistema de ar-condicionado nas salas de aula.

A internet é disponibilizada via banca larga, mas, constantemente, ou é lenta ou a conexão é interrompida, de modo que prejudica várias atividades. Os banheiros encontram-se em péssimas condições de uso, verificando-se a presença de apenas dois vasos sanitários no banheiro masculino para atender demanda de aproximadamente 900 alunos. Além disso, os banheiros encontram-se ao lado da cozinha.

MPEduc

O MPEduc é um projeto nacional do Ministério Público Brasileiro. Voltado para a educação básica, o projeto, por meio de série de ações, visa acompanhar a execução de políticas públicas educacionais e a aplicação de verbas nas escolas. O projeto inclui a visitação nas unidades de ensino, realização de audiências públicas, análise dos conselhos de educação, expedição de recomendações e o esclarecimento da população sobre o direito à educação de qualidade (clique aqui para saber mais).

 Clique aqui para ver mais fotos.

--

Assessoria de Comunicação Social 
Ministério Público Federal em Mato Grosso do Sul
(67) 3312-7265/ 7283
www.prms.mpf.mp.br
PRMS-ascom@mpf.mp.br
www.twitter.com/mpf_ms

 

Ações do documento