Você está aqui: Página Inicial Serviços Sala de Imprensa Notícias 2015 12 MPEduc encontra escola onde chove dentro das salas de aula em Batayporã

MPEduc encontra escola onde chove dentro das salas de aula em Batayporã

— registrado em: ,
última modificação 10/12/2015 13:27

Audiência pública e vistoria revelaram falta de estrutura. População reivindica mais repasses do MEC.

MPEduc encontra escola onde chove dentro das salas de aula em Batayporã

Audiência Pública reuniu moradores para debater a Educação Pública em Batayporã e Taquarussu. Fotos: MPF/MS

Batayporã e Taquarussu (MS), municípios a 330 km de Campo Grande, receberam a equipe do projeto Ministério Público pela Educação (MPEduc). A audiência pública aconteceu na última segunda-feira (30) na Câmara Municipal de Batayporã. Entre diretores, professores, pais e alunos, mais de 120 pessoas participaram do debate sobre a qualidade da educação nos dois municípios. Escassez de recursos do Ministério da Educação e a não-discussão e ausência de políticas LGBT nas escolas da rede pública de ensino foram alguns dos problemas apontados pela população.

Vistorias

Na manhã seguinte, duas escolas foram vistoriadas pelo MPEduc. Em Batayporã, a equipe do projeto visitou a Escola Estadual Braz Sinigália, cujo prédio foi construído na década de 70 e nunca passou por reforma. Em dias de chuva, o caos se instala. Pelas más condições do telhado, goteiras tomam conta do prédio, inviabilizando espaço adequado para as aulas. O problema não ocorre apenas nas salas de aula, mas também nas secretarias e no laboratório de informática. 

Além disso, a equipe constatou a não-conclusão de obras de uma quadra de esportes coberta – que já possui danos estruturais. Inexistência de ar-condicionado em todas as salas e carteiras danificadas também foram problemas identificados.

FOTO5_1.JPG

FOTO6_1.JPG

Já em Taquarussu, foi a Escola Municipal Irene Linda Zioli Crivelli que recebeu vistoria do projeto. Desde 2013, o município não controla a frequência dos professores da escola. Também não há rede elétrica adequada para a instalação de ar-condicionado nas salas de aula. Como não há quadra de esportes na escola, o que obriga os alunos a caminhar até o ginásio municipal para participar das atividades de Educação Física. O ponto positivo é o fornecimento de verduras e legumes de boa qualidade para a merenda escolar, adquiridos de produtores da agricultura familiar. 

FOTO7_1.JPG


MPEduc 

O MPEduc é um projeto nacional do Ministério Público Brasileiro. Voltado para a educação básica, o projeto, por meio de série de ações, visa acompanhar a execução de políticas públicas educacionais e a aplicação de verbas nas escolas. O projeto inclui a visitação nas unidades de ensino, realização de audiências públicas, análise dos conselhos de educação, expedição de recomendações e o esclarecimento da população sobre o direito à educação de qualidade (clique aqui para saber mais).

 

--

Assessoria de Comunicação Social 
Ministério Público Federal em Mato Grosso do Sul
(67) 3312-7265/ 7283
PRMS-ascom@mpf.mp.br
Ações do documento